You are browsing the archive for 2014 Fevereiro.

O LP “Eu que Amo Somente A Ti” completa 50 anos em 2015

Fevereiro 27, 2014 in Ações FUNJOR

Neste mês de fevereiro de 2014, a FUNJOR começa a contagem regressiva para os 50 anos do lançamento do disco EU QUE AMO SOMENTE A TI do cantor e patrono da intituição JOSÉ RICARDO a ser celebrada em 16 de fevereiro de 2015. Durante esse período, a FUNJOR fará algumas promoções, implementará ações e publicará informações sobre a carreira do cantor.

Bob Lester completa 101 anos e assume os vocais dos Rockólatras

Fevereiro 21, 2014 in Ações FUNJOR

O centenário Bob Lester celebra seus 101 anos e participa hoje, às 23 horas, no Rio Rock & Blues da Lapa (RJ), de show dos Rockóltras. No repertório, rock e blues dos anos 50, 60, 70 e 80.

 

Final do 6o. Concurso de Samba de Quadra será neste sábado no Império Serrano

Fevereiro 8, 2014 in Ações FUNJOR


A FUNJOR convida os associados  para a final do 6º concurso de Samba de Quadra que acontecerá neste sábado, 8 de fevereiro de 2014, às 22 horas, na quadra do Império Serrano, em Madureira.

 

Saiba mais acessando …
https://www.facebook.com/sambadequadra?fref=ts

Ajude o trabalho do Instituto e conheça os projetos culturais dos associados

Fevereiro 7, 2014 in Ações FUNJOR


Objetivando divulgar trabalhos artísticos de artistas associados e estimular doações para as ações sócio-culturais do Instituto FUNJOR, a partir de janeiro de 2014 a instituição implementou o projeto “DOAÇÃO CULTURAL FUNJOR” que funciona como uma espécie de programa de milhagem solidária (acesse o álbum de fotos do Facebook da entidade e veja as informações mensais).

>> QUEM PODE PARTICIPAR?

Qualquer pessoa que fizer doação para a instituição na conta do banco ITAÚ pode participar e não precisa cadastro prévio.

>> QUAIS SÃO AS DOAÇÕES VÁLIDAS PARA CONTAGEM DE PONTOS?

As feitas entre os dias 01 de janeiro de 2014 e 30 de dezembro de 2014 na conta do Instituto FUNJOR (ITAÚ – Agência: 0706 – C/C: 04730-5) através de qualquer agência do BANCO ITAÚ ou transferência bancária. A cada mês, o associado vai acumulando os recibos bancários de doação (ou de transferência) e boletos. A soma é sempre feita individualmente por doador. Não será permitida a junção da doação de dois participantes para troca. Uma vez utilizado o valor, não poderá ser usado em outro mês ou ser feita nova troca. Ou seja, se um associado contribuiu acumuladamente R$500,00 no ano de 2014, ele terá 5 pontos e poderá fazer 5 trocas em 5 meses diferentes.

>> QUAIS OS VALORES PARA TROCA?

A cada 100,00 em doações equivalem a 1 ponto. A cada ponto há a possibilidade de troca e o acumulo feito da seguinte forma: R$100,00 = 1 ponto = 1 produto; R$200,00 = 2 pontos = 2 produtos; R$300,00 = 3 pontos = 3 produtos e assim sucessivamente. Não há possibilidade de troca com pontos fracionados e só as doações realizadas no próprio ano valem para a contagem.

>> QUAIS SÃO OS PRODUTOS?

A cada mês serão disponibilizados e listados os produtos culturais que podem ser trocados pelos que colaboram com doações para a instituição. Os produtos podem ser CD, LIVROS, DVDs, ingressos e ou qualquer outra promoção sugerida pela FUNJOR como produto, que poderá ser trocada pelo ponto ou pontos que o associado tiver. Lembramos que para cada mês haverá uma quantidade restrita e a retirada determinada por essa quantidade. Dessa forma é importante que o doador atinja o(s) ponto(s) e solicite logo o(s) produto(s).

>> ONDE OS PRODUTOS SERÃO DIVULGADOS?

A lista de produtos disponíveis e quantidades para cada mês (e serão 12 listas) será divulgada no site (www.funjor.org.br), na página do Facebook (www.facebook.com/funjor) e Twitter (@funjor) entre os dias 20 e 30 de cada mês. Em dezembro de 2014, serão divulgados até o dia 10.

>> COMO FAZER A SOLICITAÇÃO?

Se o associado ou doador tiver interesse em trocar seu ponto por um produto, deve enviar um e-mail para contato@funjor.org.br e indicar o produto desejado. Havendo mais solicitações para um mesmo produto do que a quantidade disponibilizada, a prioridade será dada por ordem de chegada do e-mail (a partir da verificação de data e hora). Cada doador só poderá escolher e retirar 1 produto por mês.

>> COMO RETIRAR O PRODUTO?

A retirada com troca dos recibos de doação serão feitas exclusivamente nos eventos mensais da FUNJOR com os associados e que começam a partir da última sexta-feira de março/2014. Os eventos são realizados no Grêmio Carlos Galhardo de Cultura (Rua Haddock Lobo, 408 – Tijuca, RJ). Nenhum produto será enviado por Correios ou entregue em residências. Em caso de ingresso para eventos culturais será feito o contato e indicado um outro local para retirada. É necessária a apresentação de recibo dos depósitos para troca.

>> QUAL O PERÍODO DO PROJETO?

O projeto vale para doações efetuadas entre 01 de janeiro de 2014 e 31 de dezembro de 2014. A solicitação de troca para cada mês deverá ser enviada por e-mail e só serão válidas até o dia 31 de dezembro de 2014 ou encerramento da quantidade de produtos oferecidos.

Eduardo Canto faz homenagem ao centenário de Lupicinio Rodrigues

Fevereiro 7, 2014 in Ações FUNJOR

Comemorando o centenário de Lupicinio Rodrigues, o cantor Eduardo Canto estará no SESC Tijuca (Rua Barão de Mesquita, 539 – Tijuca, RJ), na próxima quinta-feira, 13 de fevereiro, às 20 horas, relembrando as histórias e canções do compositor gaúcho, no show ” Lupicinio Rodrigues – 100 Anos de Histórias & Canções” com arranjos e direção musical de Roberto Menescal.

Arranjos e direção musical: Roberto Menescal
Violão: Frederico Ferreira / Bateria: Eduardo Guerra
Bailarinos: Dudu Gomes / Giovanna Lo Bianco
Criação, pesquisa e direção geral: Karla Maria

Ingressos já à venda: R$ 16,00 (inteira) / R$ 8,00 (meia)
Informações: (21) 3238-2167

VOCÊ SABE O QUE É TER UM AMOR
========================

No ano em que Lupicinio Rodrigues completaria 100 anos, o cantor Eduardo Canto relembra, nesses 40 anos de saudade, um pouco da vida desse boêmio cronista do cotidiano amoroso que movimentou-se entre as próprias tragédias e a arte de fazer poesias, e conta histórias curiosas como o por que da expressão “dor de cotovelo” estar associada à falta da pessoa amada. Eduardo recorda também a briga de Dircinha Batista com Lupicinio, que virou uma de suas músicas mais conhecidas e revela a história da canção “Vingança”, uma de suas mais fortes composições, que acabou ocasionando o maior índice de suicídios nos anos de 1951 e 1952.

Lupicinio Rodrigues nasceu em Porto Alegre, no dia 16 de setembro de 1914. Aos 12 anos, Lupi (como era chamado pelos amigos) já compunha músicas carnavalescas para os blocos de Porto Alegre. Não demorou muito para o menino conquistar seu lugar definitivo na boemia. Quando morreu, em 27 de agosto de 1974, Lupicinio Rodrigues já tinha conquistado seu lugar definitivo na música brasileira, com as honras de compositor que melhor rimou amor e dor.

Gravado por grande parte da MPB, Lupicinio Rodrigues teve como seus maiores interpretes Francisco Alves e Jamelão, e atualmente é celebrado por Eduardo Canto, eleito um dos 3 Melhores Cantores Populares do Brasil, pelo Prêmio de Música Brasileira.
Desde Setembro de 2003 Eduardo Canto está cantando Lupicinio Rodrigues em projetos que já passaram por vários espaços, onde destacamos o Morro da Urca, Canecão, Teatro Rival, Imperator, Teatro Dias Gomes, Kennedy Center (em Washington) e recentemente em turnê por Nova York (EUA).