You are browsing the archive for 2012 Maio.

A Fabulosa História do Trio Esperança – 50 anos de sucesso

Maio 25, 2012 in Ações FUNJOR

Os irmãos “Corrêa” reúnem-se para um grande show, aliás somente uma parte da família. Eles formam a maior família de cantores famosos do Brasil, e certamente do mundo! O show conta a fabulosa história do Trio Esperança desde a sua criação até os dias de hoje, sob a direção de Gérard Gambus.

“Tudo era sol, era ré, mi, fá… ai que saudade me dá…” Como dizem os versos da canção “Gold Herança”, de autoria de Gerard Gambus e Carlos Colla, a família Correa sempre foi um exemplo de musicalidade. Começaram suas carreiras muito jovens. Por volta de 1958, os primeiros a estrearem oficialmente na música foram os irmãos Ronaldo, Roberto e Renato juntamente com o primo Valdir. Surgia então os Golden Boys.

Mas a família é grande… e os irmãos mais novos Mário, Regina e Evinha observavam atentamente tudo que acontecia com muito brilhantismo com seus irmãos mais velhos dos Golden Boys. Foi aí que em 1961, o Trio Esperança iniciou também a sua carreira. O sucesso veio com “Filme Triste”, versão brasileira de “Sad Movies”. Em seguida, outros hits do trio vocal como “O Passo do Elefantinho”, “A Festa do Bolinha”, “Gasparzinho” estiveram à frente das rádios e programas de tv.

No fim da década de 60, Evinha partiu para carreira solo, sendo substituída por sua outra irmã, a caçula Mariza, ou Marizinha como é conhecida. Com a nova formação, o grupo lançou outros discos de sucesso. Após sua saída do Trio Esperança, Evinha começou mais uma bela trajetória. Seu primeiro sucesso foi “Casaco Marrom”. Em 1969, conquistou o primeiro lugar no IV Festival Internacional da Canção com a música “Cantiga por Luciana”.

Juntamente com suas irmãs, gravou músicas brasileiras em um disco de Paul Mauriat em 1977, excursionando com o maestro francês pelo Japão e pela China. Casou-se com o diretor musical da orquestra e passou a viver na França.
Com o término do Movimento Jovem Guarda, o Trio Esperança também chegou ao fim. Mário se tornou empresário do ramo de educação e as duas irmãs Mariza e Regina também foram morar na Europa, a convite de Evinha. Por lá, voltaram a cantar e criaram uma nova formação do Trio Esperança, gravando 4 álbuns que geraram várias turnês de sucesso em toda a Europa, Canadá e, países da África.

Em seus discos, além de participações de cantores brasileiros como Chico Buarque, Gilberto Gil, Milton Nascimento, Ivan Lins e Caetano Velozo, tiveram também nomes internacionais como Charles Aznavour e Michel Fugain. Conquistaram 03 discos de ouro e sempre com muito sucesso de público e crítica, participaram de Festivais importantes como o de Montreux.

Evinha, Mariza e Regina desenvolvem hoje um excelente trabalho conquistando a Europa e o resto do mundo divulgando a MPB.

( Música em Festa)

Nova edição do TOP KIDS 0 a 12

Maio 25, 2012 in Ações FUNJOR

A próxima edição do TOP KIDS 0 A 12, evento coordenado pela conselheira Jomara Knoff e apoiado pela FUNJOR desde o seu início, acontecerá neste sábado, dia 26 de maio, de 11h às 19h, na Barra da Tijuca.

BANDA JR comemora 3 anos com show beneficente

Maio 25, 2012 in Ações FUNJOR

 

 

A BANDA JR (Bernardo Cahue, LM Tobias, Thiago Chakan e Rafaele Ruivo) completa 3 anos e faz show especial no próximo dia 26 de maio, às 21 horas, no Severina (Rua Ipiranga,54-Laranjeiras) com renda destinada às ações da FUNJOR. Vários artistas foram convidados e vão participar da comemoração com a banda que apresenta  um rock divertido.

Ingressos antecipados com desconto podem ser adquiridos no estúdio Winchester (Mercadinho São José, Rua das Laranjeiras).

Arruma o Coreto festeja o quinto ano da roda de choro

Maio 14, 2012 in Ações FUNJOR

Tradicionalmente aos domingos, a roda de choro Arruma o Coreto se apresenta na Praça São Salvador, em Laranjeiras. No último dia 6 de maio, os integrantes celebraram os cinco anos de fundação e reuniram um grande público no coreto da famosa praça. Confraternizaram em uma animada roda de música, com o choro –  primeira música urbana tipicamente brasileira e patrimônio cultural do carioca.

O evento promoveu o encontro de gerações,  amigos e familiares que apreciam o estilo “chorão”, que surgiu por volta de 1880 e traz a nostalgia do Rio antigo com um clima de alegria e camaradagem. Os frequentadores podem (de graça) ouvir música de qualidade, passear pela praça, olhar as barracas de artesanato, comer bons quitutes e jogar conversa fora com amigos. Uma diversão cultural para todas as idades onde quem chega é sempre bem vindo.

O Arruma o Coreto tem espírito familiar. A roda de choro com suas vozes, flautas, violão,  pandeiros e cavaquinho trazem a alma carioca e celebram um aniversário com direito a bolo e cinco anos de muitas realizações, como o Projeto Diploma Ademilde Fonseca de Mérito no Choro – desenvolvido em parceria com a FUNJOR e que já recebeu nomes como Joel Nascimento, Caçula, Odette Ernest Dias, Silvério Pontes, Zé da Velha, Voltaire, Jorginho do Pandeiro, Siqueira do Cavaco, Escola da AMC, Carlinhos Leite, Déo Rian e a própria Ademilde Fonseca – que esteve presente na inauguração do projeto.

Uma salva de palmas e parabéns para Ana Caetano e todos os que preservam a essência deste movimento musical que encanta os frequentadores da São Salvador. Sejam moradores do Rio ou turistas. Domingo que vem,  às 11 da manhã, tem mais choro.

(Cristiane Cupertino)

Nota Presidente FUNJOR sobre projeto Núcleo ARTSocial

Maio 11, 2012 in Ações FUNJOR

 FUNJOR SUSPENDE TEMPORARIAMENTE O PROJETO NÚCLEO ARTSOCIAL NO CENTRO DO RIO

Comunicamos que,  após algumas tentativas de negociação e por orientação do corpo de Conselheiros da instituição, o Conselho Diretor da FUNJOR decidiu suspender  temporariamente o projeto ´Núcleo ARTSocial´, no Centro. A proprietária do imóvel solicitou um aumento de aluguel incompatível com planejamento orçamentário da instituição – que é baseado no valor arrecadado mensalmente através de doações espontâneas.

Como há uma instabilidade nas doações para instituição, não recebemos nenhuma verba pública e há um comprometimento da diretoria com uma gestão financeira equilibrada e sem endividamento – hoje, a instituição não possui dívidas e tem todas as suas contas apresentadas aprovadas pelo Ministério Público, decidiu-se por entregar, no dia 2 de maio, a sala na rua Francisco Serrador – que utilizamos nos últimos 9 anos com o projeto Núcleo ART Social – para que não houvesse um endividamento institucional a médio prazo.

Nossa meta agora é ampliar parcerias, capitalizar a instituição e, paralelamente, tentar, por doação ou cessão, um novo imóvel. Para isso, ratificamos a necessidade de participação dos associados e efetivação/regularização das doações mensais. É importante fazer contato para informar eventuais problemas com os boletos ou alterações de dados pessoais.

Já estamos efetivando as reformas administrativas informadas pelo presidente Gerdal dos Santos no evento de 11 anos da instituição e, enquanto não estivermos com um novo local, faremos as reuniões semanais de conselheiros no Ginástico Português. Também estamsop fechando parceria para realização do encontro dos associados no Grêmio Cultural Carlos Galhardo, na Tijuca.

As ações e projetos da instituição continuarão a ser executadas regularmente.

Como a FUNJOR tem sua base naunião e superação, contamos com a sua ajuda para o fortalecimento do trabalho da instituição – que, nesses quase 12 anos, tem obtido importantes resultados sociais e culturais.

Gerdal Renner dos Santos
Maio.2012 


Para ficar informado e participar das nossas ações:

1). Visite o site:  www.funjor.org.br

2). Curta a página do Facebook:  facebook/funjor

3). Dúvidas e informações: contato@funjor.org.br

4). Telefone: (21) 2215-8717 

5). Através dos programas, nas manhãs de sábado e domingo, do presidente
Gerdal dos Santos, na Rádio Nacional (1130AM) e de vários comunicadores
parceiros da FUNJOR.

Para colaborar com doações:

FUNJOR – FUNDAÇÃO JOSÉ RICARDO
BANCO ITAÚ
AGÊNCIA: 8054
* CONTA: 06554-8

Missa em memória do cantor José Ricardo

Maio 9, 2012 in Ações FUNJOR

O fã clube do cantor José Ricardo pede para informar que será celebrada missa pelos 13 anos de falecimento do artista nesta sexta, 11 de maio, 18 horas, na Igreja do Largo do Machado.

O comunicador Hilton Abi Rian fará homenagem ao cantor e entrevistará seu filho, Luiz Murillo, amanhã, às 9 horas, em seu programa na Rádio Nacional (1130 AM). O presidente Gerdal dos Santos também homenageia o patrono da FUNJOR nos programas de sábado e domingo, na Rádio Nacional.

(Cristiane Cupertino)